domingo, janeiro 24, 2010

Bom Humor desperta a Criatividade e gera Conteúdo Inovador?

"Sonhe, imagine, analise e ponha em pratica. Faça diferente! Qualquer hora é hora, qualquer lugar é lugar para criar"

Para ser Criativo eu tenho que ser diferente?

Pensamos que a criatividade é dom de poucos. Engano nosso! É algo que poderá ser desenvolvido e que deve fazer parte da nossa vida, da nossa competência e comportamento.

Sem grandes investimentos a empresa poderá propiciar ações criativas, dando a liberdade de opinar, errar, aprender com estes erros e, principalmente, de buscar alternativas de diferenciação nos produtos e serviços. Hoje em dia, o ato de criar ou inovar não se restringe apenas ao empreendedor.

É necessário que haja uma ação conjunta entre empregados e empreendedor. Buscar o diferencial é oferecer algo a mais do que o cliente esperava, atrair sua preferência, adaptar-se ás suas necessidades, modificar produtos, buscar soluções, estratégias, fugir do convencional. A criatividade é um fenômeno que se move entre os atributos dos homens e as exigências da sociedade. Considerando que as empresas fazem parte de uma sociedade o incentivo à criatividade implica num bem que é criado para a mesma.

Dentro do cenário atual do país, não há dúvida de que o trabalhador possui condições básicas para tornar-se uma pessoa mais criativa do que já é. Muito embora a socialização e a cultura de algumas organizações tende a diminuir esta potencialidade, principalmente pelas práticas das ações rotineiras.

Cabe também ressaltar a importância do envolvimento geral da organização desde a presidência até os cargos operacionais, nos programas de implantação de criatividade. Ou seja, deverá fazer parte da estratégia e cultura da organização.

Podemos perceber uma grande revolução quebra de paradigmas, onde não somente os chefes e o empreendedor devem ser criativos na organização.

A criatividade está relacionada com processos de pensamento, imaginação, intuição, originalidade e principalmente ambiente e Humor. Podemos perceber que se trata de características importantes para um profissional de sucesso, alado, é claro, aos conhecimentos técnicos e demais habilidades necessária.

Devemos estar constantemente criando estratégias de ação, soluções diferentes para os diversos problemas nas organizações, criando novos produtos, inovando os já existentes. Só assim as empresas se tornarão criativas e competitivas. Por ser o ato de criar compartilhado com a sociedade, a organização deve servi-la. Nada mais justo, então, desenvolver a criatividade para a superação das expectativas dos clientes.

Grandes ideias não precisam ser complicadas pois as grandes ideias que surgem são saídas simples para situações corriqueiras que ajudam a empresa a economizar tempo, dinheiro e a aumentar produtividade.

Grandes ideias também vêm do “chão de fábrica”.
Nas grandes empresas, a “base” nem sempre é ouvida. Conhecer o “chão da fábrica” é um ativo que o gestor não pode desperdiçar. Traz uma visão que os executivos da diretoria dificilmente enxergam e saídas interessantes para problemas crônicos.

Ser ouvido é um incentivo e tanto
Uma campanha de Gestão de Ideias tem o pé fincado na democratização da gestão. Ao ser ouvido e ter sua opinião levada em conta, o colaborador se sente parte da empresa e trabalha com mais compromisso.

Retorno para todas as ideias
Mesmo as sugestões que não servem merecem respeito. Se o colaborador dá a ideia e não recebe retorno, sente-se desrespeitado. O feedback é um dos pontos centrais de uma campanha bem-sucedida de Gestão de Ideias.

Definição de metas
Primeiro, detalhe ao máximo onde sua empresa quer chegar. Que problemas deseja corrigir? Que tipo de inovação pretende colocar em prática? Há um prazo? Quanto mais foco os desafios apresentarem, mais resultados a campanha irá colher.

Diferencie o perfil dos seus colaboradores
Ao lançar uma campanha de Gestão de Ideias em sua empresa, você identifica perfis distintos entre seus colaboradores. Na prática, consegue apontar quem está mais comprometido com o sucesso da empresa a partir do nível de participação. Quem está de passagem e quem quer fazer carreira.

Dentre esse cenário vou citar um trabalho que executo nesse sentido em uma rede de escolas de cursos profissionalizantes (http://www.visualmidia.com.br/) denominado IMPLANTAÇÃO ESTRATÉGICA DE MARKETING EDUCACIONAL COM FOCO EM RESULTADOS - Utilizando os conceitos e e estratégias do maior Império de entretenimento do mundo a Disney ao qual possui como missão superar as expectativas de seus clientes a cada 5 minutos.

Imagine então uma escola de cursos profissionalizante diferente!

Que possua:

- Biblioteca do Conhecimento - Todo conteúdo de livros , frases, mídias, filmes são convertidos em conhecimento dentro das salas de aulas em formas de ações e jogos estimulantes.

- Mini Cursos & Palestras - Imagine uma matéria interessante de uma revista ou livro sobre cultura geral se transformar em uma mini Palestra de 1 hora de duração disponível apenas para os alunos da escola. Temas ministrados e escolhidos por todos os colaboradores da escola.

- Garantia de Aprendizado pelo resto da Vida - Caso o aluno não absorva o conteúdo proposto do curso ele poderá utilizar a escola pelo resto da vida.

- Calendário Mensal - Cada dia ou semana há uma comemoração de alguma data especial na escola ao qual os colaboradores se caracterizam de acordo com a comemoração em questão gerando conhecimentos diversos sobre o tema aos alunos.

- Sala do Humor - Local reservado aos alunos que chegam até a escola chateados e de cara feia. Trata-se de uma sala com materiais diversos para estimular o bom humor.

- Roda Viva - Tem como objetivo conhecer o aluno, seus objetivos. Um “jogo” baseado em algumas perguntas sucintas para os alunos inscritos. Dependendo da desenvoltura dos participantes, o “jogo” pode virar um debate interessante, sobre assuntos da realidade que ajudarão a entender melhor o mundo que nos cerca.

- Cartas da Semana - Tem como objetivo criar um vínculo maior com os pais e consequentemente com os alunos. São cartas escritas aos pais de alunos escolhidos pelos professores, o conteúdo da carta será de elogio, a eles, os filhos.

- Star People - Tem como objetivo mostrar para o aluno de uma maneira criativa o quanto ele é importante para a escola o qual poderá ser convidado pelos professores para apresentar um Mini-Curso sobre um tema que ele tenha domínio, gravar um vídeo ou matéria para o blog da escola sobre algum assunto que goste, publicar uma matéria no Jornal da escola ou dar uma palestra, lembrando que quem escolhe a forma de mostrar para a escola que esse aluno é importante, será escolhida pelo próprio aluno. No dia do Star People, deverá conter pela escola, fotos do aluno, no blog, orkut, para que todos vejam que ele é a estrela do dia.

Isso tudo fora o curso que o aluno está cursando.

Confira os blogs de algumas escolas:

http://www.clickakicursos.blogspot.com/
http://www.visualmidiabarbacena.blogspot.com/
Reportagem na mídia: http://migre.me/hwU9

Em um mercado saturado inovar é tudo. Rompa os limites da imaginação, eu vim para isso e vocês?

2 comentários:

lazaro marcelo disse...

Tenho certeza e a melhor ideia de pensamentos que ja assisti em toda minha vida e d+

Dri Viaro disse...

Passei pra conhecer seu blog, e desejar boa tarde

bjs

aguardo sua visita :)